26 de março de 2011

UM TIME VERDADEIRAMENTE CATÓLICO

O Celtic Football Club foi formalmente constituído na Igreja de St. Mary na East Rose Street (atual Forbes Street), Calton, Glasgow, pelo monge marista Walfrid Kerins em 6 de Novembro de 1887, com o propósito de aliviar a pobreza no leste de Glasgow. O projeto de caridade chamava-se 'The Poor Children's Dinner Table'.
A população da região era formada em sua maioria por imigrantes irlandeses, vistos na época como cidadãos de segunda classe. Discriminados na condição de estrangeiros, eles trabalhavam por salários inferiores à média. A escolha do nome Celtic foi uma maneira de propagar o orgulho que os integrantes tinham de suas origens. O novo clube alugou um terreno, e um grupo de voluntários trabalhou para transformá-lo em um campo de jogo. O primeiro título foi a Copa da Escócia de 1892, e no ano seguinte veio a conquista do Campeonato Escocês.
Costuma ser conotado com os escoceses católicos e os descendentes de irlandeses. O seu grande rival local, o Glasgow Rangers, pelo contrário, costuma ser associado aos escoceses protestantes (presbiterianos ou calvinistas). Os encontros entre estas equipes fazem o clássico Celtic versus Rangers. Em 1967, o Celtic se tornou o primeiro clube britânico a conquistar a Copa dos Campeões da Europa, que até então só havia sido conquistada por times italianos, portuguêses e espanhóis. Nesta temporada o Celtic ganhou todas as competições que disputou: o Campeonato Escocês, a Copa da Escócia, a Copa da Liga Escocesa, a Copa dos Campeões da Europa e a Copa de Glasgow.

Nenhum comentário:

Postar um comentário